A música pode dar novo ritmo ao seu consultório

música ideal para o seu consultórioExiste um tipo de música ideal para o seu consultório? É algo mesmo importante? Este artigo busca responder essas perguntas.

A experiência dos pacientes é muito relevante para a sua fidelização e possibilidade de recomendação. Estas experiências vão determinar se o paciente irá retornar ao seu consultório odontológico e o recomendar a amigos e familiares. A música ambiente no consultório, é um pequeno detalhe que pode fazer toda a diferença. Em um mercado muito competitivo é algo que não deve ser esquecido.

Um consultório odontológico não deve prescindir das ferramentas que contribuem para criar uma atmosfera agradável. Um ambiente que ajude a reduzir a ansiedade sentida pelo paciente quando tem de se submeter a tratamentos odontológicos.

Múltiplos fatores intervêm neste tipo de situações. Numerosos estudos internacionais demonstraram que a música é uma terapia eficaz.  Ajuda os pacientes a controlar a ansiedade e o estresse. Especialmente em casos de fobia dental que um atendimento odontológico pode gerar.

Se a música for adequada, a fidelidade do paciente em relação ao local e ao profissional que o atende tenderá a aumentar significativamente.

Fobia dental: o significado

A fobia dental pode ser definida como o medo que invade um paciente quando tem de se submeter a um tratamento odontológico. Não só está relacionado à dor, mas também com a percepção de diferentes odores e ruídos. Ou com a posição na cadeira em que deve permanecer durante o atendimento. Também com a sensação de impotência perante um ambiente agressivo. Esta situação acaba gerando uma experiência negativa no paciente.

Em 2017, 7% da população afirmou sofrer de odontofobia, outro termo que descreve este medo irracional de natureza psicológica. Os níveis de ansiedade e nervosismo da pessoa que tem fobia são tão intensos que a tornam incapacitada ou bloqueada. O paciente pode ficar a ponto de rejeitar qualquer tipo de tratamento. Como resultado, a sua saúde bucodental poderá acabar se deteriorando.

Um dos problemas que os dentistas enfrentam é a grande dificuldade em motivar estes pacientes. Esta barreira pode ser especialmente grave para pessoas com deficiências, com autismo ou síndrome de Down.

Algumas pessoas com fobia dental podem ser tratadas com fármacos para controle da ansiedade. A maioria, no entanto, prefere não tomar medicamentos devido aos riscos médicos associados. A ansiedade dos pacientes frente a uma consulta odontológica já foi destaque em uma matéria anterior aqui do blog.

Um paciente com odontofobia também representa um risco para o dentista que o trata. O estresse e a ansiedade podem acabar sendo transmitidos para o profissional.

Marketing sensorial: já ouviu falar?

Quando um paciente vai a um consultório odontológico, recebe todos os tipos de estímulos:

  • Visuais: cores, materiais, luzes e design;
  • Olfativos: cheiros naturais e artificiais;
  • Gustativos: textura, sabor e temperatura;
  • Táteis: materiais e temperatura;
  • Sonoros: música e ruídos.

A música ideal para o seu consultório pode ser um dos elementos fundamentais de marketing do seu empreendimento profissional. Estes fatores fazem parte do marketing sensorial. Um instrumento muito útil que envolve os sentidos e afeta o comportamento dos consumidores. Se a experiência que um indivíduo tem durante a sua visita for agradável, haverá um alto nível de atração, fidelidade e diferenciação. Isso irá gerar uma vantagem competitiva sustentável ao longo do tempo. Não por acaso, muitas lojas de marca aqui no Brasil fazem uso de música ambiente suave e essências agradáveis. Buscam atrair e manter o cliente no ambiente, tornando a experiência o mais aprazível e agradável possível.

Música ideal para o seu consultório

A música traz numerosos benefícios, não apenas psicológicos, mas também fisiológicos:

  • Reduz a pressão arterial;
  • Diminui a frequência cardíaca e respiratória;
  • Promove o movimento e a coordenação do corpo;
  • Aumenta a comunicação neuronal, a elasticidade e a plasticidade do cérebro;
  • É eficaz contra a dor;
  • Acelera o processo de cicatrização após uma intervenção cirúrgica;
  • Promove o otimismo;
  • Ajuda a combater o estresse e a ansiedade.

Na literatura científica, ficou evidenciado o poderoso efeito que a música tem em reduzir a ansiedade em pacientes com câncer, doenças coronárias ou em pessoas que estão à espera de uma operação.

E o que acontece quando um paciente ouve música num consultório odontológico? Existem muitos estudos já realizados  para conhecer o impacto que a música tem antes, durante e depois da realização de um tratamento odontológico. Pode à princípio parecer estranho, mas a escolha da música ideal para o seu consultório pode sim fazer toda a diferença.

Resultados de pesquisas recentes

Estudos recentes indicam que a música deveria anteceder a realização do tratamento odontológico para evitar crises de ansiedade. Por exemplo, na sala de espera ou no momento anterior a uma cirurgia. Ficou plenamente demonstrado que a permanência do silêncio antes do início de uma consulta acaba aumentando o nervosismo do paciente.

Qual o tipo de música com a maior percentagem de êxito?  A música clássica revelou-se especialmente eficaz, especialmente a música de câmara e barroca.

É importante conhecer o público que visita o seu consultório e verificar quais gêneros se mostram mais adequados. Músicas suaves de outros gêneros como bossa nova, smooth jazz e instrumental podem também apresentar um ótimo resultado. A música ideal será aquela de perfil suave e que vá de encontro à preferência da maioria de seus pacientes.

Feedback positivo

Segundo estudo da Universidade de Montreal, pacientes que ouvem música antes de um tratamento odontológico apresentam menos hormônios do estresse do que aqueles que tomam medicamentos calmantes. Ao contrário das drogas, o efeito positivo dos sons harmônicos no cérebro humano não causa efeitos colaterais.

A música ideal para o seu consultório é aquela relaxante e de bom gosto. É aquela que ajuda os pacientes a manter sob controle sua ansiedade.

Disponibilizar água mineral é também uma medida simples que pode tornar o ambiente ainda mais aconchegante e aprazível.

Os pacientes se preparam mentalmente para o tratamento enquanto estão na sala de espera. Se eles se sentirem confortáveis e puderem passar o tempo de forma agradável, isso funcionará a favor do dentista.
Fideliza os pacientes já existentes e ajuda a conquistar novos.
Eles retornarão regularmente e, na melhor das hipóteses, recomendarão você a outras pessoas.

Fonte: Dentaleader

Dentalis Software – a sua melhor escolha em software para odontologia

Deixe uma resposta