acesso

Acesso à informação de qualidade nas salas de espera podem ajudar na promoção da saúde e fidelização do paciente

sala de espera A conclusão é de um estudo do Imperial College London: a mídia presente nas salas de espera de hospitais e consultórios podem ser um meio eficaz para promover a educação para a saúde dos pacientes.

O estudo foi conduzido em 49 consultórios na zona de Londres que passaram várias séries de anúncios sobre saúde, com tópicos que incluíram saúde oral, consumo de tabaco, contracepção, HIV, hepatite e gripe. O anúncio dedicado à saúde oral durou cerca de 80 segundos e afirmava que todas as pessoas devem visitar um dentista pelo menos a cada dois anos, oferecendo detalhes sobre como marcar consulta no Serviço Nacional de Saúde britânico.

Cerca de 2345 pacientes participaram posteriormente num inquérito que colocava 16 questões sobre o canal que estava a ser transmitido nas salas de espera e acerca da sua visibilidade e aceitação e sobre se os conteúdos transmitidos tinham mudado os conhecimentos e intenções dos pacientes em relação ao acesso a tratamentos dentários.

O que os resultados indicaram

Os resultados conseguiram demonstrar que os conteúdos foram eficazes na educação dos pacientes sobre os serviços de medicina dentária e entre os 1088 que revelavam não saber como contactar um dentista no Serviço Nacional de Saúde e entre os 1247 que revelavam não saber como contactar um dentista de urgência antes do estudo, 48% e 35,1%, respetivamente, revelaram que os conteúdos a que obtiveram acesso na sala de espera foram essenciais para os educar nestas questões.

No que diz respeito à necessidade de visitar um dentista regularmente, 15,2% dos que não tinham intenções de contactar um dentista antes do estudo reportaram que o anúncio os fez passar a considerar uma visita num menor prazo de tempo.

Dentalis software – administra seu consultório odontológico garantindo mais tempo para o seu paciente

Posted by Victor in Estudos, 0 comments