facetas de porcelana

Facetas de porcelana: os prós e contras

Quando um paciente visita o seu consultório buscando transformar o seu sorriso, resolver os espaços entre os dentes ou resolver ou mesmo um problema de dente lascado, a ideia de facetas de porcelana é frequentemente sugerida.

Embora não seja uma solução completa para todas as dificuldades, os dentistas muitas vezes se sentem seguros ao recomendá-las devido à sua aplicação em longo prazo e ao alto resultado estético.

 

Neste artigo vamos abordar os principais prós e contras de recomendar facetas de porcelana para seus pacientes.

Os Prós

Tratamento rápido

Colocar facetas de porcelana é um procedimento rápido, mas exige planejamento e um diagnóstico adequado para determinar se é o tratamento mais indicado para os pacientes. Antes de serem colocadas as facetas de porcelana finais é feito um ‘mock-up’ e são colocadas facetas provisórias que são depois ajustadas para garantir uma oclusão, discurso e dimensão adequados.

Durante o tratamento com facetas de porcelana, o uso desse do ‘mock-up’ é tido como essencial, pois com ele o paciente faz um teste com dentes provisórios em plástico.

Então, caso ele aceite o planejamento tanto à aparência quanto à função estética de seus “novos dentes”, o tratamento é finalizado.

Na maioria dos casos, o tratamento é completado em cerca de quatro semanas.

Tratamento livre de dor

A maioria dos pacientes evita ir ao dentista com receio da dor provocada pelos tratamentos. Mas se for planejado de forma correta, este pode ser um procedimento totalmente livre de dor. Na grande maioria dos casos nem sequer é necessário a utilização de anestesia nestes procedimentos.

Os Contras

Aumento da sensibilidade dentária

A maioria dos sistemas de fixação usados na colocação de facetas de porcelana são à base de resina ou substâncias hidrofóbicas. Contudo, os dentistas devem garantir um completo isolamento da superfície dos dentes, uma vez que qualquer contaminação pode vir a causar sensibilidade dentária.

Não podem ser retiradas

Sim, este tratamento não é reversível. Uma vez colocadas não tem volta. Além disso é importante que os pacientes tenham conhecimento de que as facetas precisam ser substituídas depois de alguns anos.

Fonte: Dentistry.co.uk

Dentalis software – em sintonia com as novas tendências em odontologia do século 21

Posted by Victor in Dicas, Estudos, 0 comments