homens

Diferenças entre homens e mulheres quando o assunto é câncer

Um novo estudo de base populacional (240.801 homens e 173.773 mulheres, com idades entre 15 e 99 anos), mostrou que os homens têm uma desvantagem de sobrevivência em relação às mulheres em 11 dos 25 tipos de câncer pesquisados. Isto mesmo levando em conta que a pesquisa excluiu cânceres específicos de sexo, como de mama e próstata, cânceres notificados apenas por autópsia e câncer de pele não-melanoma.

As diferenças entre os sexos foram geralmente maiores para pessoas diagnosticadas em idades mais jovens.

Sobrevida

A sobrevida líquida de cinco anos após o diagnóstico para os 25 tipos de câncer combinados foi menor para os homens do que para as mulheres, com um excesso de mortalidade 13% maior para os homens em comparação com as mulheres.

Câncer pior para os homens

“A desvantagem de sobrevivência para os homens foi significativa em 11 tipos de câncer: cabeça e pescoço, esôfago, cólon/reto, pâncreas, pulmão, osso, melanoma, mesotelioma, rim, tireoide e linfoma não-Hodgkin.

“Em contraste, as mulheres tiveram prognóstico pior do que os homens para câncer de bexiga, pelve renal e uretra. As diferenças sexuais na sobrevida do câncer diminuíram desde 1982 para câncer colorretal e pancreático, a ponto de não serem mais aparentes. Por outro lado, para o câncer de pulmão, a desvantagem de sobrevivência masculina é pior hoje do que anteriormente,” escrevem os pesquisadores em seu artigo, publicado na revista Cancer Causes & Control.

Nina Afshar e seus colegas da Universidade de Melbourne (Austrália) defendem pesquisas direcionadas para identificar razões para essas disparidades.

“Identificar e compreender os complexos mecanismos por trás das diferenças sexuais na sobrevivência do câncer ajudará a estabelecer intervenções eficazes para reduzir as desigualdades e melhorar os resultados do câncer para homens e mulheres,” disse Nina.

Posted by Victor in Estudos, 0 comments

Quem leva mais à sério a sua saúde bucal? Homens ou Mulheres?

homem e mulher escovando os dentesA frequência com que as mulheres mudam de escova de dentes é duas vezes superior à dos homens, de acordo com um estudo do Carisbrook Dental de Manchester, no Reino Unido. As conclusões revelam que enquanto as mulheres mudam de escova de dentes, em média, a cada 92 dias, os homens só trocam a escova dentária a cada 185 dias.

Detalhes da pesquisa

O estudo incluiu 1000 pacientes e procurou detectar quais os hábitos de higiene bucal das mulheres e dos homens, através de questionários. Os resultados revelam que as mulheres levam a sua saúde bucal mais a sério do que os homens, o que pode explicar porque é que são as mulheres que trocam mais vezes de escova de dentes.

“Os homens tomam riscos com a sua saúde ao utilizarem a mesma escova de dentes durante um tempo prolongado demais. Se desfazer da escova de dentes a cada três meses pode parecer um período curto, mas se pensarmos nos germes, nos vírus e nas bactérias a que estão expostas diariamente…”, refere Tariq Idrees, responsável pelo Carlsbrook Dental.

Os dados agora divulgados revelam também que as mulheres gastam em média 42 libras em saúde bucal por ano, o que inclui a compra de escovas de dentes, creme dental e outros produtos como soluções para bochecho. Os homens, por sua vez, gastam apenas 24 libras por ano.

Dentalis Software – organização, eficiência e qualidade – tudo o que você quer para o seu consultório

Posted by Victor in Estudos, 0 comments